ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Polícia
    Homem é indiciado após mentir sobre covid-19, gravar vídeo e causar pânico A Polícia Civil informou ainda que há outros casos semelhantes sendo investigados. O empresário indiciado pode pegar até seis meses de prisão.
    (Foto: Divulgação / Governo do ES)
    Autor: Conexão ES
    26 de Março de 2020 às 14h30

    Um empresário, que mora na Grande Vitória, foi indiciado por causar pânico na internet, após gravar um vídeo afirmando que tinha contraído covid-19, doença causada pelo Coronavírus. De acordo com a Polícia Civil, após receber o resultado, o homem até chegou a gravar um vídeo negando o contágio, mas o vídeo anterior já estava circulando na internet.

    A Polícia Civil informou que não sabe a data em que o vídeo foi veiculado, mas na última semana, o material teve um grande alcance e viralizou, causando pânico nos moradores da Grande Vitória.

    O empresário, na verdade, foi diagnosticado com uma doença respiratória aguda. Ele fez o teste para saber se foi infectado pelo Novo Coronavírus, mas antes do resultado, gravou o vídeo afirmando que contraiu a doença. 

    O homem chegou a ficar internado em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) por dois dias, antes de receber o diagnóstico da doença que contraiu. Com o exame em mãos, após sair do hospital, ele gravou outro vídeo mostrando que na verdade não contraiu Coronavírus, mas o primeiro vídeo já estava viralizando e causando pânico na população.

    A Polícia Civil informou ainda que há outros casos semelhantes sendo investigados. O empresário indiciado pode pegar até seis meses de prisão. A polícia orienta que quem receber esse tipo de conteúdo, pode fazer denúncias por meio do Disque-denúncia, no número 181.



    Fonte: Folha Vitória - Com informações da repórter Aline Proença, da TV Vitória/ Record TV

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento do Conexão ES.