Secretaria de Desenvolvimento Social contrata psicólogo e pedagogo - Conexão ES
ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Cachoeiro de Itapemirim
    Secretaria de Desenvolvimento Social contrata psicólogo e pedagogo As inscrições são virtuais e devem ser feitas no site da Prefeitura, até as 23h59 deste domingo (28)
    (Foto: Divulgação/PMCI)
    Autor: Conexão ES
    25 de Julho de 2019 às 07h10

    A Secretaria de Desenvolvimento Social de Cachoeiro de Itapemirim (Semdes) está com processo seletivo simplificado aberto para contratação temporária de profissionais com curso superior.

    São 10 vagas para psicólogo e sete para professor pedagogo, para preenchimento imediato. Além disso, 10% das vagas oferecidas para cada cargo ficam reservadas para pessoas com deficiência que venham a se candidatar. Também haverá formação de cadastro de reserva para ambas as funções. 

    A seleção ocorrerá em duas etapas. Nesta primeira, as inscrições são virtuais e devem ser feitas no site da Prefeitura (www.cachoeiro.es.gov.br), até as 23h59 deste domingo (28). 

    Para ter tanto ao campo de inscrição, quanto ao edital, os interessados devem clicar sequencialmente, dentro do portal, nas abas "Secretarias", "Des. Social" e "Processo Seletivo". A segunda fase, de caráter classificatório, será de apresentação de documentação e de títulos.

    O salário do professor pedagogo é de R$ 2.557,74, e a jornada de trabalho, de 40 horas. Já a remuneração do psicólogo é de R$ 998, para a jornada de trabalho de 30 horas. Para esta função, além da formação superior em psicologia, dentre outros requisitos definidos no edital, é exigido o registro profissional no conselho da classe.

    A vigência do contrato de trabalho será de 12 meses, a partir da assinatura, condicionada à continuidade dos serviços aos quais os profissionais estejam vinculados.

    Os candidatos considerados classificados serão automaticamente inscritos em quadro de cadastro de reserva, podendo ser eventualmente convocados para contratação, na estrita ordem de classificação e de acordo com a necessidade da administração.

    “O profissional deve ter a disposição para o trabalho em equipe de diferentes áreas de conhecimento, com o objetivo comum de apoiar e contribuir para a superação das situações de vulnerabilidade e fortalecer as potencialidades das famílias usuárias dos serviços”, esclarece a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Márcia Bezerra.

     
     
     
    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento do Conexão ES.