Pavimentação com uso de concreto é tema de evento em Cachoeiro - Conexão ES
ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Cachoeiro de Itapemirim
    Pavimentação com uso de concreto é tema de evento em Cachoeiro O evento também é aberto a profissionais da construção civil e outros públicos interessados no assunto. Para participar, basta comparecer
    (Foto: Divulgação/PMCI)
    Autor: Conexão ES
    08 de Outubro de 2019 às 15h15
    (Atualizada) 08 de Outubro de 2019 às 15h17

    O trabalho de pavimentação de ruas com aplicação de concreto feito pela Secretaria de Obras de Cachoeiro (Semo) tem chamado a atenção de especialistas e despertado o interesse de prefeituras capixabas. Por isso, o município recebe, na quinta-feira (10), um evento em que serão debatidas as vantagens dessa alternativa ao tradicional asfalto.

    Das 13h30 às 17h, no auditório da Centro Municipal de Manutenção Urbana da prefeitura, no bairro São Geraldo, servidores da Semo e de municípios vizinhos participarão de uma palestra com técnicos da Associação Brasileira de Cimento Portland, insumo usado nesse tipo de pavimentação.

    O objetivo é apresentar o concreto como uma alternativa viável de pavimentação e superior ao asfalto, que é amplamente usado nas cidades brasileiras, mas muito impactado pelos custos do petróleo, já que leva derivados do mesmo em sua composição e sofre influência da política de preços que regula o produto, além de ter manutenção cara.

    O concreto tem sido usado em vários lugares do mundo para a construção de rodovias. Em Cachoeiro, ruas em bairros como o IBC, Independência, Vila Rica, Gilberto Machado, Nossa Senhora Aparecida, bem como as localidades de Santa Fé e Alto Tijuca e o distrito de Itaoca já ganharam pavimentações com o material.

    O uso em ruas locais tem gerado economia de até 30% e, por isso, a previsão é de que, até o fim do ano, 35 vias tenham sido pavimentadas com o material, o que tem atraído a atenção de profissionais de prefeituras de municípios vizinhos, como Marataízes e Atílio Vivacqua.

    “O concreto é mais barato, de fácil aquisição, não precisa de mão de obra especializada para aplicação e, por conta da grande durabilidade, a manutenção das vias tem custo muito mais baixo. É uma boa alternativa para os municípios, que, na maioria dos casos, dispõem de poucos recursos para fazer frente à grande demanda por obras de pavimentação”, explica o secretário municipal de Obras, Paulo Miranda.

    O evento também é aberto a profissionais da construção civil e outros públicos interessados no assunto. Para participar, basta comparecer.

     
     
    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento do Conexão ES.