Expedição marca reinauguração da Trilha do Pico do Forno Grande, em Castelo - Conexão ES
ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Esportes
    Expedição marca reinauguração da Trilha do Pico do Forno Grande, em Castelo A subida exige certo nível de preparo físico e, durante o trajeto, é possível apreciar paisagens como a Pedra Azul, o Pico da Bandeira (com binóculo), o Frade e a Freira, Itabira e a Pedra do Garrafão, além do litoral (com binóculo)
    (Foto: Hélio Filho/Secom)
    Autor: Conexão ES
    28 de Julho de 2019 às 06h18
    (Atualizada) 28 de Julho de 2019 às 06h18
    Após mais de duas décadas fechada devido aos impactos gerados pela visitação descontrolada, a Trilha do Pico do Forno Grande, em Castelo, foi reinaugurada em grande estilo. Na madrugada deste sábado (27), uma expedição com a presença do governador Renato Casagrande superou o percurso de 3,5 quilômetros até o topo do Forno Grande, o segundo pico mais alto do Espírito Santo com de 2053 metros de altitude. A aventura contou com a presença da primeira expedição genuinamente capixaba rumo ao Monte Everest.

    O grupo começou a escalada por volta das duas da manhã, partindo da sede do Parque Estadual do Forno Grande. O governador fez parte do primeiro grupo que chegou ao topo da montanha às 5h35, depois de pouco mais de três horas de trilha. Do alto do Pico do Forno Grande, Casagrande foi o primeiro a assinar o livro do Pico, que deverá registrar nomes e mensagens dos aventureiros que conseguirem superar o desafio.

    Foi a quarta vez que Casagrande alcançou o topo da montanha: “Já tinha subido aqui outras três vezes na minha juventude e agora pela primeira vez subi como governador. A trilha até o cume ficou fechada por mais de 20 anos por conta da degradação humana. As pessoas iam acampar no topo e acabam desmatando. Agora estamos liberando o Parque para subidas durante o dia e com guia, o que é uma novidade. A trilha é dura e precisa de equipamentos profissionais. Queremos que a população possa desfrutar desse momento maravilhoso, que nós agora desfrutamos”, contou.

    Os demais grupos foram chegando ao longo da manhã, sendo que alguns aventureiros chegaram quase duas horas após o governador. Na descida, Casagrande também esteve no primeiro grupo que ditou o ritmo e concluiu o percurso em pouco mais duas horas e trinta minutos, incluindo paradas para o registro de vídeos e fotografias da vista do local. Do local é possível ver a Pedra Azul, o Pico da Bandeira, além dos municípios de Castelo e Cachoeiro de Itapemirim.

    “Temos uma vista privilegiada de várias cidades, como Castelo, e até o litoral quando o céu está aberto. Também vemos a Pedra Azul por um ângulo maravilhoso. Durante a trilha é possível tirar lindas fotos. É muito lindo ver como o Parque está lindo e conservado”, comentou.

    Após a descida o governador realizou a cerimônia oficial de descerramento da placa de reinauguração da Trilha. A expedição contou com 36 pessoas e apenas uma não alcançou o cume por conta de câimbras. O aventureiro, que já tinha completado quase todo trajeto, descansou e esperou o retorno da equipe. Quatro mulheres ainda integraram a comitiva. Da expedição capixaba rumo ao Everest, estiveram presentes Giuliano Martins, Cesar Saade e Juarez Gustavo Soares, que foi o primeiro capixaba a alcançar o cume da montanha mais alta do planeta.

    A trilha do Pico Grande ficou fechada por quase 20 anos devido aos impactos gerados pela visitação descontrolada e degradação ambiental. Agora haverá visitações controladas, com limitação de visitantes durante o dia, uma vez que é necessário o acompanhamento de uma pessoa com experiência em escalada, além de todos os equipamentos de segurança.

    Para o diretor-presidente do Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema), Alaimar Fiuza, a inauguração da trilha do Forno Grande irá proporcionar uma maior integração com a comunidade. “Será possível aproveitar as belezas naturais e potencializar o turismo de aventura da região”, avaliou.

    Para o público em geral, o acesso à trilha deve ser agendado a partir do dia 29 de julho pelo e-mail pefg@iema.es.gov.br.

    A subida exige certo nível de preparo físico e, durante o trajeto, é possível apreciar paisagens como a Pedra Azul, o Pico da Bandeira (com binóculo), o Frade e a Freira, Itabira e a Pedra do Garrafão, além do litoral (com binóculo). A ação é uma parceria do Iema com a Associação Capixaba de Escalada.
    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento do Conexão ES.